O que é a Retenção de Líquidos?

A retenção de líquidos é um problema que afecta a maioria das mulheres. Alguns estudos indicam que podemos ganhar até 2 quilos apenas com a retenção de líquidos. Mas afinal o que origina a retenção de líquidos?

O QUE É A RETENÇÃO DE LÍQUIDOS?

Cerca de 60% do nosso corpo é composto por água. O nosso organismo está preparado para manter o equilíbrio dessa água. Contudo, quando existe um desequilíbrio no sistema hormonal, uma das formas que ele tem de reagir é acumular água em certas zonas. É por isso que a retenção é muito comum no período pré-menstrual.

O que acontece é que os líquidos saem dos vasos sanguíneos e acumulam-se no tecido subcutâneo, normalmente nas pernas, tornozelos, mãos, pés e abdómen, provocando inchaço na pele, sensação de pernas pesadas, desconforto e um aumento de peso até 2 quilos. Para algumas mulheres, esta é apenas uma preocupação mensal. Mas, em muitos casos, é um problema diário que interfere na auto-estima e mesmo no dia-a-dia.

PORQUE É QUE A RETENÇÃO ACONTECE?

Existem várias causas que podem originar a retenção de líquidos. Estas podem ir desde comportamentos e hábitos menos adequados a outros problemas de saúde.

Uma das causas são as alterações hormonais que contribuem e, muito, para o aumento da retenção de líquidos. Outras causas possíveis são a falta de exercício, a pouca ingestão de líquidos ou a forma como nos alimentamos. Sim, é verdade. Ingerir alimentos com muito sal é o problema mais comum. Este tipo de alimentos dificulta a eliminação da água do organismo.  Também a falta de certas vitaminas pode ser a causa do problema.

Mas há mais factores que podem estar na origem da retenção, e podem ser coisas simples como: roupa demasiado apertada, ficar muito tempo sentada ou em pé, stress, ansiedade, temperaturas muito elevadas, pressão atmosférica e a toma de alguns medicamentos.

Ao nível da saúde existem algumas doenças que podem levar a uma maior retenção de líquidos como o hipotiroidismo, insuficiência renal, cardíaca ou problemas circulatórios. Nestes casos a melhor ajuda é o médico.

COMO MINIMIZAR?

Cuidados que deves ter:

  • Bebe muita água – Manteres-te hidratada é o mais importante. Pode parecer paradoxo mas, ao ingerires líquidos, o corpo irá eliminar de forma mais eficaz as toxinas acumuladas. Seja água ou chá o importante é que bebas pelo menos 1,5 lt ao longo do dia;
  • Consume alimentos ricos em água, magnésio e potássio – Este tipo de alimentos, cereais integrais, frutos secos, leguminosas e frutas, estimulam a eliminação de água;
  • Pratica exercício físico regularmente – Ajuda a manter o peso, é bom para a saúde no geral e ajuda a evitar o sedentarismo;
  • Diminui o consumo de sal (mas a sério!) – Segundo a Organização Mundial de Saúde, o máximo de sal que devemos ingerir por dia ronda os cinco gramas, por isso tem atenção a este ponto. Substitui o sal por ervas aromáticas com ação diurética como salsa, funcho, ou por especiarias como a curcuma (açafrão-da-índia);
  • Evita alimentos com muito sal – Diz adeus às batatas fritas, aos enchidos, aos molhos, aos alimentos pré-preparados e ao fast food. Estes alimentos estão carregados de sal;
  • Evita a ingestão de bebidas alcoólicas – Estas bebidas estimulam a retenção de líquidos e consequentemente o inchaço.

 

Para além destes cuidados e para potenciar o combate da retenção de líquidos poderás sempre optar pela toma de um suplemento diurético. O Let it Drain! é um drenante com extractos naturais em unidoses que te ajudará nesta luta. Sabe mais aqui.

Review